FACIM 2017 – uma feira internacional para um mercado de 23 milhões

Feira Internacional de Moçambique – FACIM

Após 12 dias em Moçambique, tendo participado na FACIM, a Global Traders gostaria de agradecer a todos os que tornaram a estadia para além de agradável. O futuro de Moçambique está garantido com uma população com carácter que apenas necessita de crescer em termos de estrutura, ensino e saúde.

 

 

Stand Global Traders FACIM

O Complexo da FACIM

Sem dúvida que excedeu as expectativas em termos de dimensão e participantes internacionais e nacionais. Os pavilhões apresentavam uma dimensão ajustada aos grandes eventos com todas as condições (o AC pelo menos no pavilhão de Portugal não apresentou grandes falhas) tendo pecado pontualmente no fornecimento de energia eléctrica (reforçamos o pontualmente).

Entrada do Pavilhão de Portugal

Umas dicas para o próximo evento:

  • Todas as operadoras telefónicas estavam presentes, obriguem-nas a apresentar um serviço de qualidade em termos de Internet;
  • Os pavilhões estavam identificados com aquilo que deduzimos ser nomes de províncias moçambicanas, mas deveriam ter igualmente banners dos países no exterior para facilmente serem identificados;
  • o primeiro dia seria institucional mas foi aberto ao público, o que tornou o arranque complicado;
  • a entrega de credenciais deveria ser simplificada, em vez de ser o expositor a procurar saber onde arranjar, seria bem mais simples colocarem um aviso nos stands.

 

Diversidade de negócios

Da tecnologia, indústrias extractivas e serviços oferecidos por Portugueses, Alemães, Holandeses e Brasileiros; aos produtos locais moçambicanos.

Uma montra completa com um portefólio diversificado para um mercado com perspectivas de crescimento onde a Global Traders apresentou variadas soluções ao nível dos materiais de construção (cerâmica, torneiras, varões para cortinados), Bebidas e Alimentação (destaque para os vinhos, azeites e bolos tradicionais portugueses), Mobiliário (de escritório, residencial e decoração), Tecnologia (impressão e consumíveis, computadores, video vigilância, electrodomésticos), Papelaria (tudo o que necessita para o seu escritório), Software (marketing digital, desenvolvimento de Website e imagem, ERP, Facturação e Gestão de clientes).

Recinto FACIM

Destacamos a desenvoltura dos negócios locais com o aparecimento de algumas startups locais assim como a vontade empreendedora. A matéria prima está lá e no que depender da Global Traders, o crescimento e desenvolvimento de ideias e negócios será sustentado nas boas práticos e em produtos/serviços de excelência.

 

O futuro

Seguramente que os contactos angariados possibilitarão parcerias futuras e um regresso em breve ao território. O mercado é dominado pela proximidade com a África do Sul e a invasão de produtos Chineses é notória, no entanto o produto Português e Europeu apresenta um posicionamento diferente pelo que acreditamos que após um período de aprofundamento das relações e melhoria económica, a entrada no mercado será em crescendo.